Mais de 1.000 dias depois, falta de punição e “novo acordo” entre Samarco/Vale/BHP e a justiça mostra que o crime compensa – e muito

Dois anos e meio ou quase 1.000 dias depois do maior crime ambiental da história do Brasil e um dos maiores do mundo, depois de adiar por cinco vezes o cumprimento do acordo, a notícia veio sem pegar ninguém exatamente de surpresa: a ação civil pública do MPF que pedia R$ 155 bilhões de reparação […]

Leia Mais

85% das barragens no Brasil não são corretamente fiscalizadas e não possuem responsável legal

Comprovando que o crime compensa e, mais do que isso, é estimulado, a informação de que cerca de 85% das barragens do país não contam com responsáveis técnicos e legais devidamente identificados foi virtualmente ignorada pela mídia e pela sociedade brasileira. Os dados são da própria Agência Nacional de Águas, publicado no Relatório de Segurança […]

Leia Mais

Em entrevista exclusiva, Samarco responde a 23 perguntas essenciais sobre o maior crime ambiental da história do Brasil

O Miniver surgiu com o propósito de ser um centro de informações, análises e opinião independente, o único site focado no maior crime ambiental da história do Brasil desde novembro de 2015, levando informação própria e de terceiros a todos os interessados, dando voz aos atingidos e a sendo uma referência no tema. A Samarco, […]

Leia Mais

Fundação Renova é braço das mineradoras e atua sem transparência nem diálogo com os moradores

Por Alice Maciel na Agência Pública “Nós não reconhecemos a Fundação Renova como representante ou reparadora dos danos dos atingidos”, diz a representante da Comissão dos Atingidos de Barra Longa (MG), Simone Maria da Silva. “A Renova fica tentando passar uma imagem de que ela está amparando o ser humano, e o que está mais […]

Leia Mais

Bancos europeus foram coniventes com o desastre de Mariana, afirma ONG alemã

A matéria é da Deutsche Welle Grandes instituições financeiras europeias também têm uma parcela de culpa no desastre de 2015 em Mariana, por não excluírem de suas relações comerciais a BHP Billiton e a Vale, acionistas da Samarco, acusa um relatório divulgado pela ONG Facing Finance, de Berlim. A ONG afirma que 25,8 bilhões em investimentos, empréstimos e títulos foram […]

Leia Mais

MPs e Defensorias da União, de MG e do ES expedem recomendação para frear abusos da Fundação Renova

Do MPF Em iniciativa conjunta inédita, sete instituições – Ministério Público Federal (MPF), Ministério Público do Trabalho (MPT), Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MP-MG), Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MP-ES), Defensoria Pública da União (DPU), Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais (DP-MG) e Defensoria Pública do Espírito Santo (DP-ES) – […]

Leia Mais

MPF exige prosseguimento da ação criminal e conclui improcedente defesa da Samarco

O Ministério Público Federal (MPF) peticionou nos autos da Ação Penal nº 2725-15.2016.4.01.3822, que trata dos crimes decorrentes/causadores do rompimento da barragem de Fundão ocorrido em novembro de 2015 no município de Mariana/MG, requerendo ao Juízo Federal de Ponte Nova a retomada urgente do processo, que se encontra paralisado desde o último mês de julho. […]

Leia Mais

Falta transparência sobre os impactos da lama da Samarco no ecossistema, afirma pesquisador da UFES

Renato Neto é um dos pesquisadores da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) responsáveis pelo mais completo estudo feito até o momento sobre os impactos da lama da Samarco no Rio Doce, que foi entregue em julho ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade – ICMBio. Neto, que é PhD em oceanografia química pela universidade […]

Leia Mais

Excelentíssimo Jacques de Queiroz Ferreira, os atingidos pela Samarco aguardam sua visita

*Por Thiago Alves, jornalista e militante do MAB A semana começou com o noticiário nacional sendo surpreendido pela informação de que Jacques de Queiroz Ferreira, juiz federal na mineira Ponte Nova, acatou o argumento da defesa dos dirigentes da Samarco Mineração S.A à época do rompimento da barragem de Fundão, em 5 novembro de 2015, […]

Leia Mais

Justiça nas mãos da Samarco: milhares de ações se arrastam sem prazo para solução

A matéria é de Valquíria Lopes e Gustavo Werneck no Estado de Minas: “Adiamento de prazos, recursos na Justiça às centenas e determinações atendidas apenas em parte mostram que a suspensão do processo criminal que apura a responsabilidade sobre as mortes resultantes do rompimento da Barragem do Fundão, em Mariana, não é o único motivo […]

Leia Mais